Ir para o conteúdo principal

Espaço Vital, sexta-feira 15.10.
(Próxima edição: terça-feira, 19)
https://www.espacovital.com.br/images/leitores.jpg

Há advogados que estão de joelhos, ante a crise que acomete a classe



Imagem capitalsearch.com.br

Imagem da Matéria

Sobre “Advogado/a versão 2021”

  • “Eu concordo com o que a colega Simone escreveu. Realmente estamos à  mercê sabe-se lá do que. Parece que tudo gira em torno da letargia, imoralidade, tirania de gestores públicos. E lamento O que poderá ser o extermínio profissional de muitos colegas, mas tenho fé que isso não acontecerá, até mesmo porque a advocacia é minha única fonte de sustento. A luta é diária. Entendo também que a OAB está olhando para quem está de pé neste momento, fechando os olhos a aqueles colegas que estão de joelhos”.

(ass.) Juliano Spall Portela, advogado.

  • “Decorrência do longo tempo em que não podemos exercer nossa profissão de forma plena, nada mais justo - e necessário - que a OAB atue em prol de seus advogados, reduzindo o valor da anuidade”.

(ass). Marinês Fronza Morbini, advogada.

  • “Sensacional seu texto, Dra. Simone! A OAB não está auxiliando os advogados. O correto seria que, durante a pandemia, a anuidade fosse suspensa. Mas...”

(ass.) Marcelo Vilani, advogado.

  • “Dra. Simone, assim como a sua decisão, muitos de nós teremos que adotá-la, agindo da mesma forma em relação à anuidade”.

(ass.) Luiz Carlos T. Bones, advogado.

Sobre “A ministra Rosa, o personagem de Cervantes e o Colorado”

  • “Perfeito o texto de Roberto Siegmann. É o exato perfil da Rosa que eu conheço - e admiro - desde os tempos da faculdade, duas turmas depois da minha; ela laureada e casada com o Telmo, meu colega de turma”.

(ass.) Walter Jobim Neto, advogado.

  • “Creio que o articulista tem razão quando afirma que a Dra. Rosa não impediria o acesso aos processos. Todavia, quem não facilitou o acesso não andou bem: criou um manto de desconfiança, de uma atitude protetora à autoridade judicial. Se os processos são públicos, a atitude de funcionários do TRT-4 que atenderam à ocorrência representou desrespeito à Constituição Federal (publicidade, em regra, de qualquer processo seja de que natureza for) e ao CPC que também segue a mesma diretriz”.

(ass.) Marco Aurélio Moreira Bortowski, advogado. 

Sobre “As ações trabalhistas contra a ministra Rosa”

  • “É a aquela máxima da ´Pimenta no ... dos outros é refresco´. A ministra certamente está sentindo o que é ser vítima da justiça que ela mesma sempre defendeu. Enquanto continuar esta quantidade de conflitos trabalhistas no Brasil , a decorrência será cada vez menos empregos e menos empreendedores. É o Brasil andando para trás”.

(ass.) Antônio Carlos Kerber Pinho, empresário hipossuficiente.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

Imagem: https://www.imontana.com.br/

Os veranistas invernistas penduricalhistas de Xangri-lá

 

Os veranistas invernistas penduricalhistas de Xangri-lá

  • Comentários sobre a obrigação de residir na comarca em que a jurisdição é prestada. E a melhor qualidade da internet no litoral...
  • A homenagem merecida a Ruy Rosado de Aguiar Júnior.
  • Críticas ao articulista de “Ora, direis, comer um sanduíche farroupilha”.
  • Como facilitar para que os advogados recebam seus alvarás?...
  • Participação dos leitores Mário Felipe Rheingantz, Danúbio Edon Franco, César Augusto Hülsendeger, Alcir Pereira, Cícero Ahrends, Dickson de Menezes Pereira, Peter Andersen Cavalcanti, Lúcio Verane Filho e Arthur da Silva.

Visual Hunt

A batalha pela sobrevivência da advocacia e da justiça

 

A batalha pela sobrevivência da advocacia e da justiça

  • A lembrança do apetite de Leviatã, que a OAB/RS possui: na crise, nenhum desconto no pagamento da anuidade.
  • Elogios ao texto “Antes que o sino da igreja seja badalado anunciando a morte da advocacia e da justiça”.
  • Deu pane no sistema eletrônico?... Por que não liberam os alvarás por ofício?...
  • Participação dos leitores Ana Lúcia Tricate, Dorival Ipe, Gerson Luis Kreismann, Rejane de Souza, César Augusto Hülsendeger, Carlos Francisco Buttenbender e Roberto Heck.

Imagem: Youtube

Advogados gravem as audiências, para brecar a juizite!

 

Advogados gravem as audiências, para brecar a juizite!

  • Mas há quem parodie Roberto Carlos: “É proibido gravar, senão o fogo pode pegar”...
  • A decepção com o desempenho de Guerrinha, chamando o Grêmio de “lata de lixo”.
  • Participação dos leitores Marcelo Corrêa Campos de Gouvea, Bruno Centeno de Menezes, Paulo Roberto Moreira Figueira, Vanessa Dal Ponte, Celso Spielmann, Rejane de Souza, Márcio Wilcomm, Mauro Neumann, Leonardo Lopes, Luiz Carlos Teixeira, Paulo Américo de Andrade e Rodrigo Severino.

PNG Egg/Arte EV

 “O risco de um desembargador se travestir em ditador”

 

“O risco de um desembargador se travestir em ditador”

  • Considerações sobre o artigo “Os juízes estão cada vez piores”.
  • A invasão de hackers ao sistema do TJRS foi “cortina de fumaça”.
  • A “pessoa humana” e “os contos de fadas”.
  • Participação dos leitores Marco Aurélio Moreira Bortowski, Paulo Américo de Andrade, Marilena Vieira, Cássio Alexandre Ferrugem, Róberson Azambuja e Josiane Maria Fagundes Escher

Arte EV sobre imagem Visual Hunt

Um surto causado pela abstinência de alvarás... e o surgimento de um hacker “do bem”

 

Um surto causado pela abstinência de alvarás... e o surgimento de um hacker “do bem”

  • Os ciber piratas invadindo as cortes: a Justiça brasileira tem culpa nisso.
  • A pandemia serviu para “justificar” o preexistente caos na prestação jurisdicional.
  • Meros ofícios da OAB não adiantam nada.
  • Participação dos advogados Simone Maria Serafini, Roberson Azambuja, Marlise Kraemer Vieira, Wilson Ademir Nienow, Ana Lúcia Tricate, Juliano Marcolino, Estelamar Scheffer, Carlos Brackmann, Marina Rheingantz Gomes, Luiz Antonio Beck e Taciana Martins de Almeida Faria Neves. E dos aposentados Gilberto Cesar Vieira de Rezende e Rozane Maria Guerra.

Charge de Gerson Kauer

 A imoralidade do auxílio-saúde no TJRS

 

A imoralidade do auxílio-saúde no TJRS

  • O CNJ transformado em legislador concedente de penduricalhos para a magistratura.
  • A delação do ex-presidente da Braskem à polícia de NYC talvez ajude o Brasil.
  • O filho que foi libertado pelo próprio pai, juiz plantonista...
  • Participação dos leitores Altair Pierotti Marcelino, Dagoberto Lins de Vasconcellos,  Rudimar Sérgio Garcez, Amilcar Lemos Zabaletti, Milton José Ferreira de Mello, José Mário de Boni, Ricardo Stelczyk, Índio Ubirajara Abreu de Oliveira Filho, Rodrigo Severino e Thomaz Thompson Flores Neto.