Ir para o conteúdo principal

Espaço Vital, sexta-feira 15.10.
(Próxima edição: terça-feira, 19)
https://www.espacovital.com.br/images/leitores.jpg

As ações trabalhistas contra a ministra Rosa



Camera Press

Imagem da Matéria

 Sobre “Duas ações trabalhistas contra Rosa Weber” 

  •  “Enquanto certas ações judiciais no Brasil forem protegidas por algum tipo de privilégio será muito ruim para a democracia”.

     (ass.) Rafael Braga de Antunes, advogado.

  • “Meus parabéns ao Espaço Vital pela informação revelando detalhes sobre as duas ações contra a ministra. O trabalho jornalístico foi brilhante. A informação clara prestada ao Brasil não tem preço. ´Furos´ jornalísticos como esse, revelados por jornalistas independentes, são imprescindíveis e vitais para que possamos saber onde pisamos”.

     (ass.) Lúcia Maia, administradora de empresas.

  • “Considerando que a ministra Rosa Weber é oriunda da Justiça do Trabalho, deve agora estar sentindo aquilo que afeta os empregadores alvo de reclamatórias absurdas (não sei se é o caso), respaldadas pela Justiça Laboral. Esta, de forma quase unânime, sempre acha um jeito de fazer ´justiça social´ às custas de quem comete o ´crime´ de gerar empregos”.

·      (ass.) Gelmir Gutier Reche, advogado.

Sobre “Um engodo à brasileira”

  • “Excelente texto. Retrata a deprimente situação que nosso país atravessa. Que nossos representantes do Legislativo, os poucos que ainda restam sem pendências com a Justiça, usem a lei e a Constituição, para reverter essa vergonha mundial em que nosso poder maior (STF), colocou nosso pobre Brasil”.

(ass.) Carlos Alberto Janotti, engenheiro.

  • “Melhor resumo da história brasileira da última década. Parecia que tínhamos retomado as rédeas a partir da prisão do ex-presidente larápio, dos de seus asseclas confessos e da devolução de cifras roubadas. Vergonha do Brasil, do Judiciário. Triste de ver um colega com o mesmo prenome comandar a defesa do chefe da maior quadrilha brasileira da história”.

(ass.) Cristiano Nygaard Becker, advogado.

  • “Parabéns ao colega Padão. Um texto com belas, fortes e sábias palavras, que nos remetem também a uma esperança de que nem todos pensamos ou agimos igual. A luta é árdua e longa, mas vamos em frente como grãos de areia no deserto, resistindo e fazendo a diferença para nós mesmos, nossos filhos e netos”.

(ass.) Eliza Nunes, advogada.

Sobre “O impasse – agora estadual – entre o Governo e o Judiciário”

  • “Concordo plenamente com o texto. Inaceitável a insegurança causada à população por esta guerra de vaidades entre Judiciário e Governo do Estado”.

(ass). Alini Noal, advogada.

  • “Sempre é bom ver a lucidez do grande causídico Cícero Ahrends, a quem acompanho de perto, ao longo de minha trajetória jurídica. Parabéns!”.

(ass.) Luiz Mário Seganfreddo, advogado.

  • “Texto muito produtivo e coerente, chama as partes para debater um interesse maior!”

(ass.) Rosa Maria Fraporti, professora e advogada.

Sobre “Quando o juiz interfere em decisões que não são de sua competência”

  • “De muito bom tom a manifestação do prefeito Sebastião Melo! Distante da politização, cujo único fim de terceiros, em minha opinião, é para galgar visibilidade eleitoral e obter recursos financeiros. Espero, tenha ele, Melo, sempre a mesma coerência para administrar nossa Capital”.

     (ass.) Rejane de Souza, advogada.

Sobre “Em Cuba, a repressão política e a crise econômica estão piores”

  • “Deixem Cuba para os cubanos. País miserável, que vive em um regime ditatorial imposto por governantes insanos. Hoje ´a ilha´  vive atolada em problemas sociais de difícil solução. Mudanças políticas e econômicas são necessárias. Se isso não ocorrer urgentemente, talvez venhamos a dizer sem pestanejar: ´Deixem Cuba enterrar sua própria Cuba´. “

(ass.) Claudio Pinheiro, advogado.

Sobre “Injustiça institucionalizada”

  • “Com razão os colegas advogados - quanto à demora na decisão, e quanto ao mérito da questão - pertinente ao recolhimento do ITBI. Tanto que nem sempre o comprador tem todo o numerário no momento da transação. E o seu recolhimento quando levada a escritura ao Registro Imobiliário, entendo ser o momento adequado. Tomara que o autor da ação tenha êxito, pois vai beneficiar todos nós operadores do direito”.

(ass.) Luizinho Miguel Balen, advogado.

Sobre “Precisa ser advogado para abrir um escritório de advocacia?”

  • “É a série americana, Suits, da Netflix, fazendo escola!”.

(ass.) Cristian D´Ávila Assmann, advogado.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

Imagem: https://www.imontana.com.br/

Os veranistas invernistas penduricalhistas de Xangri-lá

 

Os veranistas invernistas penduricalhistas de Xangri-lá

  • Comentários sobre a obrigação de residir na comarca em que a jurisdição é prestada. E a melhor qualidade da internet no litoral...
  • A homenagem merecida a Ruy Rosado de Aguiar Júnior.
  • Críticas ao articulista de “Ora, direis, comer um sanduíche farroupilha”.
  • Como facilitar para que os advogados recebam seus alvarás?...
  • Participação dos leitores Mário Felipe Rheingantz, Danúbio Edon Franco, César Augusto Hülsendeger, Alcir Pereira, Cícero Ahrends, Dickson de Menezes Pereira, Peter Andersen Cavalcanti, Lúcio Verane Filho e Arthur da Silva.

Visual Hunt

A batalha pela sobrevivência da advocacia e da justiça

 

A batalha pela sobrevivência da advocacia e da justiça

  • A lembrança do apetite de Leviatã, que a OAB/RS possui: na crise, nenhum desconto no pagamento da anuidade.
  • Elogios ao texto “Antes que o sino da igreja seja badalado anunciando a morte da advocacia e da justiça”.
  • Deu pane no sistema eletrônico?... Por que não liberam os alvarás por ofício?...
  • Participação dos leitores Ana Lúcia Tricate, Dorival Ipe, Gerson Luis Kreismann, Rejane de Souza, César Augusto Hülsendeger, Carlos Francisco Buttenbender e Roberto Heck.

Imagem: Youtube

Advogados gravem as audiências, para brecar a juizite!

 

Advogados gravem as audiências, para brecar a juizite!

  • Mas há quem parodie Roberto Carlos: “É proibido gravar, senão o fogo pode pegar”...
  • A decepção com o desempenho de Guerrinha, chamando o Grêmio de “lata de lixo”.
  • Participação dos leitores Marcelo Corrêa Campos de Gouvea, Bruno Centeno de Menezes, Paulo Roberto Moreira Figueira, Vanessa Dal Ponte, Celso Spielmann, Rejane de Souza, Márcio Wilcomm, Mauro Neumann, Leonardo Lopes, Luiz Carlos Teixeira, Paulo Américo de Andrade e Rodrigo Severino.

PNG Egg/Arte EV

 “O risco de um desembargador se travestir em ditador”

 

“O risco de um desembargador se travestir em ditador”

  • Considerações sobre o artigo “Os juízes estão cada vez piores”.
  • A invasão de hackers ao sistema do TJRS foi “cortina de fumaça”.
  • A “pessoa humana” e “os contos de fadas”.
  • Participação dos leitores Marco Aurélio Moreira Bortowski, Paulo Américo de Andrade, Marilena Vieira, Cássio Alexandre Ferrugem, Róberson Azambuja e Josiane Maria Fagundes Escher

Arte EV sobre imagem Visual Hunt

Um surto causado pela abstinência de alvarás... e o surgimento de um hacker “do bem”

 

Um surto causado pela abstinência de alvarás... e o surgimento de um hacker “do bem”

  • Os ciber piratas invadindo as cortes: a Justiça brasileira tem culpa nisso.
  • A pandemia serviu para “justificar” o preexistente caos na prestação jurisdicional.
  • Meros ofícios da OAB não adiantam nada.
  • Participação dos advogados Simone Maria Serafini, Roberson Azambuja, Marlise Kraemer Vieira, Wilson Ademir Nienow, Ana Lúcia Tricate, Juliano Marcolino, Estelamar Scheffer, Carlos Brackmann, Marina Rheingantz Gomes, Luiz Antonio Beck e Taciana Martins de Almeida Faria Neves. E dos aposentados Gilberto Cesar Vieira de Rezende e Rozane Maria Guerra.

Charge de Gerson Kauer

 A imoralidade do auxílio-saúde no TJRS

 

A imoralidade do auxílio-saúde no TJRS

  • O CNJ transformado em legislador concedente de penduricalhos para a magistratura.
  • A delação do ex-presidente da Braskem à polícia de NYC talvez ajude o Brasil.
  • O filho que foi libertado pelo próprio pai, juiz plantonista...
  • Participação dos leitores Altair Pierotti Marcelino, Dagoberto Lins de Vasconcellos,  Rudimar Sérgio Garcez, Amilcar Lemos Zabaletti, Milton José Ferreira de Mello, José Mário de Boni, Ricardo Stelczyk, Índio Ubirajara Abreu de Oliveira Filho, Rodrigo Severino e Thomaz Thompson Flores Neto.