Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre,sexta-feira, 5 de março de 2021.
(Próxima edição: terça-feira, 9).
https://www.espacovital.com.br/images/on_off_3.jpg

Dicas sobre privacidade, senhas e LGPD



Imagem: Freepik

Imagem da Matéria

On/Off

O mercado anda alvoroçado com as questões de privacidade, Lei Geral de Proteção de Dados - LGPD e cuidados na internet, redes sociais e computadores, riscos, precauções e afins. Neste sentido, vamos abordar algumas dicas práticas sobre privacidade, LGPD e senhas, para que você leitor possa estabelecer uma maior segurança e conhecimento do tema.

Privacidade

❏     Revise as autenticações automáticas (normalmente Facebook e Google) nos navegadores; isto é uma brecha para invasões.

❏     Estabeleça o uso de navegadores na internet mais focados em privacidade, como Brave ou Firefox. Evite navegadores que coletam dados o tempo todo, como o Chrome.

❏     Somente informe os dados pessoais imprescindíveis para o uso; não preencha formulários com todos seus dados.

❏     Use cartão de crédito virtual ao invés do físico (cria-se nos aplicativos dos bancos; é gratuito).

❏     Sei que é difícil, chato e quase impossível, mas leia as cláusulas de contratos eletrônicos para ver o que os aplicativos e saites pegam de dados de você e como eles podem usar isto. (Você vai repensar em usar muitos serviços, tenho certeza).

Lei Geral de Proteção de Dados - LGPD

❏     Procure compreender fluxos de trabalho, visando a ideia de privacidade.

❏     Entenda o quê, quem, como, quando e porquê usam dados dentro da empresa.

❏     Como você cuida do seu banco de dados (softwares, arquivos, backups, etc.)? Faz toda diferença esta análise.

❏     Lembre que dados físicos (papéis, pastas, contratos, títulos, etc.) estão no rol da LGPD e podem ser objeto de vazamento de dados.

❏     Como você trata o BYOD (Bring your own device) - quando o colaborador traz seu celular ou computador para a empresa? Ele acessa, copia, trabalha? E a segurança, como fica?

Senhas

❏     Troque periodicamente suas senhas (pelo menos duas vezes ao ano).

❏     Use senhas diferentes para cada serviço (redes sociais, e-mail, bancos, etc.)

❏     Não informe suas senhas a ninguém; mesmo que alguém ligue, se identifique, ou que você não desconfia.

Enfim, ideias para serem pensadas, analisadas, projetadas e principalmente colocadas em prática para se tornarem efetivas!

A tecnologia exige esta adaptação urgente!

-----

gustavo@gustavorocha.com


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

Abranet

Direito ao esquecimento. Hein? Esqueci!...

 

Direito ao esquecimento. Hein? Esqueci!...

“A liberdade de expressão deve ser plena, ainda que admitamos que ofensas ou eventuais indenizações poderão ser pleiteadas em casos de usos descabidos ou errados desta possibilidade de agir conforme a própria vontade, mas dentro dos limites da lei e das normas racionais socialmente aceitas”.

Retrospectiva tecnológica 2020

 

Retrospectiva tecnológica 2020

Os advogados terão que - no dia a dia da profissão - aprender a usar mais os recursos da tecnologia com salas virtuais junto aos tribunais (e seus diversos sistemas diferentes, Google Meet, Cisco Webex, Zoom, Microsoft Teams, entre outros). E manejar QR Codes com links para vídeos no YouTube e, brevemente, acesso ao Espaço Vital.

Invadiram o STJ e apagaram 1.200 servidores...

“O que temos a aprender com isto? Nenhum servidor é impenetrável. O ponto crítico - além do ataque em si -  foi o fato de não existirem backups off line”.