Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre (RS), terça-feira, 11 de agosto de 2020. Dia do Advogado.
https://www.espacovital.com.br/images/romance_forense.jpg

Goles odoríficos, mas encorajadores



Charge de Gerson Kauer

Imagem da Matéria

Distante três centenas de quilômetros da capital, o município é de 25 mil habitantes; na cidade são cerca de 10 mil. População, em boa parte, moradora da zona rural, predominantemente formada de gente simples e muito respeitosa.

Em mais um dia comum de trabalho, o assíduo juiz - logo no primeiro item da pauta - manda apregoar a audiência de uma ação que envolve uma questão possessória. Entram as partes e colocam-se, corretamente, junto às duas mesas que ladeiam o magistrado. Impossível o acordo, é chamada a primeira testemunha.

Aproxima-se então um senhor de idade. Ele exala álcool, ficando evidente que o bafo é recente. São 9h10 da manhã.

O juiz não resiste e, com voz firme, questiona:

– O senhor ingeriu bebida alcoólica antes de vir aqui no fórum?

– O senhor me desculpe, doutor. A manhã está fria, é a primeira vez na minha vida que venho num fórum, para encarar um juiz assim de perto, logo cedo. Tive que tomar um liso de cachaça, no bar do outro lado da praça aqui defronte, para acalmar os nervos! – a calma testemunha responde convictamente.

Diante da transparente sinceridade da resposta, o magistrado prossegue com a audiência e ouve a testemunha, que presta um depoimento isento.

Encerrado e assinado o termo, o juiz encerra grato e professoral:

- Agradeço ao senhor por ter vindo prestar este serviço à Justiça. Mas agora volte calmo, direto para casa, sem necessidade de repetir a ida no barzinho do outro lado da praça...

O cidadão faz um gesto respeitoso e sacramenta:

- Que seja cumprida a sua vontade, aqui na terra, como no céu.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

Charge de Gerson Kauer

Doces amores grenalizados

 

Doces amores grenalizados

Advogado, bem apessoado, cinquentão, sem preocupações com as contas no fim do mês, coloradíssimo, resolve consultar um saite especializado em buscar doces relacionamentos sem compromisso. Bingo! Depois de algumas semanas de doce convivência eventual, surge um problema “fu-te-bo-lís-ti-co”.  O texto é de Carlos Alberto Bencke.

Charge de Gerson Kauer

A testemunha (mal) falante

 

A testemunha (mal) falante

Era uma audiência de instrução em uma ação de divórcio litigioso. De repente, a primeira testemunha - em menos de 30 segundos - derruba a tese da autora: “Ela quer se separar do marido, porque gosta muito de linguiça consistente e apimentada, mas em casa não conta com isso. Ele é pão-duro, não esquenta nada”. O texto é do advogado Carlos Alberto Bencke.

Charge de Gerson Kauer

Uma decisão em seis palavras

 

Uma decisão em seis palavras

A decepção do patrão de um centro de tradições, ao receber de volta um ofício em que fizera um convite e pedira uma autorização à autoridade judicial: “E eu com isso, vivente? Devolva-se”.

Charge de Gerson Kauer

A jovem sem perspectiva de emprego

 

A jovem sem perspectiva de emprego

Como prestadora de serviços sexuais eventuais, a moça acompanhou um cidadão de 50, no carro dele, para uma escapada a 150 km. da capital, onde ele - na condição de preposto - participaria de uma audiência. Na rodovia, o azar: um acidente de trânsito. Decorrência: os lucros cessantes da garota de programa

Charge de Gerson Kauer

O dramático depoimento da vítima de estupro

 

O dramático depoimento da vítima de estupro

Na audiência de ação penal em que é buscada a persecução de um homem acusado de estupro, a defesa do réu lança uma indagação desrespeitosa e inoportuna: “Gostaria que fosse perguntado à ofendida se ela sentiu prazer e alcançou o orgasmo no momento do fato”.