Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre (RS), sexta-feira, 10 de julho de 2020.
https://www.espacovital.com.br/images/smj.jpg

Compensação financeira para Dilma pela prisão e tortura sofridas durante a ditadura



Charge de Jota A / Portal O Dia

Imagem da Matéria

• Uma compensação para Dilma

O Brasil é mesmo um país ímpar. Definitivamente ex-Presidente da República desde 31 de agosto de 2016, Dilma Rousseff custa para a União a manutenção de dois carros oficiais (placas discretas) e uma ´entourage´ de dois assessores, quatro seguranças e dois motoristas. Tudo nos trinques: é que os benefícios concedidos aos ex-presidentes são originários da Lei nº 7.474/1986, que dispõe sobre as “medidas de segurança” aos chefes do Executivo brasileiro.

Mas Dilma quer forrar-se – na expressão de um suposto ´dilmês´, cunhado ironicamente pela “rádio-corredor da OAB de Brasília – com um “mais-ou-menos-um-pouco-bastante”. Ela está requerendo na Comissão de Anistia uma compensação financeira – algo parecido a uma reparação por dano moral - por ter sido presa e torturada pela ditadura.

A pedida é de R$ 11 mil mensais e tem chances de ser deferida. Estava na pauta da última sessão do ano, na semana passada. Mas, por obra de alguma tartaruga processual, a decisão ficou adiada para 2020.

A Comissão de Anistia é responsável pelas políticas de reparação e memória para as vítimas da regime civil-militar no Brasil. Foi criada para a defesa de ex-presos e perseguidos políticos, além da recuperação moral e econômica dos anistiados e suas famílias, no caso de familiares mortos e desaparecidos.

 Bandidos/as de toga

Quem teve acesso à investigação que levou ao afastamento do presidente do TJ da Bahia, Gesivaldo Brito e à prisão da desembargadora Maria do Socorro Santiago e do juiz Sérgio Humberto Sampaio, garante: foi só o início de um embrulho de “pepinos apimentados à moda judiciário” (tudo em minúsculas) que ainda vêm por aí.

A propósito, a festejada Carmen Miranda (1909/1955) cantou versos de Dorival Caymmi em 1950. Eram assim:

“O que é que a baiana tem? /
Tem brinco de ouro tem /
Corrente de ouro tem /
Pulseira de ouro tem /
Um rosário de ouro, uma bolota assim /
Quem não tem balangandãs... não vai no Bonfim”. 

•  Má fase baiana

Não tem nada a ver com o$ douto$ cifrõe$ do lodo baiano (acima), mas eis, a seguir, a mera coincidência da cinzenta fase de Salvador e adjacências.

Foi preso no fim-de-semana o acusado de matar, na quarta-feira (27), a jovem universitária baiana Elitânia Souza, na cidade de Cachoeira (BA).

Segundo a polícia, o assassino é Alexandre Passos Silva Góes. Vem a ser filho de um juiz baiano.

 Adriana em dois momentos

 1) Foi publicado, sem alarde, o acórdão do Tribunal de Ética e Disciplina da OAB do Rio que cassou o registro de advogada da ex-primeira-dama do Rio Adriana Ancelmo, mulher de Sérgio Cabral.

Pesa contra ela o fato de ter usado o seu escritório como uma das bases de operação do esquema ilícito comandado pelo ex-governador, seu (ex?) marido.

2) Foi publicado, com alarde na imprensa carioca, que o ex-governador Sérgio Cabral está com dor-de-cotovelo. É que Adriana Ancelmo teria rompido com o ex, e ela estaria tendo um outro tórrido romance.

A “rádio-corredor” do Tribunal de Justiça do Rio transmitiu que se trata de um desimpedido operador jurídico de notória atuação na corte. Mas o nome do “novo” não é revelado.

 “Reserva mental”

A 20ª Câmara Cível do TJRS antecipou a pauta e julgará amanhã (4), a partir das 9h., a apelação do caso Pedro Rocha, um futebol jurídico entre o Grêmio e o Clube Atlético Diadema (SP) que estava pautada para o dia 11. O clube gaúcho perdeu em primeiro grau.

A causa vale R$ 15 milhões e nela se discute, entre outras questões, uma raridade jurídica: a ocorrência, ou não, da chamada “reserva mental”.

Prevista no capítulo do Código Civil que trata dos negócios jurídicos, ela acontece quando um dos contratantes reserva-se, secretamente, a intenção de não cumprir o contrato.

O artigo 110 define assim:

“A manifestação de vontade subsiste ainda que o seu autor haja feito a reserva mental de não querer o que manifestou, salvo se dela o destinatário tinha conhecimento”.Complicado! (Proc. nº 70083064105).

 ´Keep away´...

Alguns executivos brasileiros - mesmo com passagens compradas - estão desistindo de passar o fim de ano na gelada New York, depois da prisão, no dia 20 de novembro, de José Carlos Grubisich, ex-presidente da Braskem, encrencadíssimo com ricochetes internacionais da Lava-Jato.

É que, logo após a aeronave da Latam (voo 8180) pousar e abrir as portas no “finger”, policiais se apresentaram com um mandado. Antes mesmo que os demais passageiros pudessem sair, os agentes levaram o rico prisioneiro. Ele está fincado até hoje numa cela nova-iorquina.

Mera coincidência, alguns executivos passaram a preferir ver de perto o óleo que tisna as quentes praias do Nordeste...

É que o Brasil é incomparável num ponto: só ele tem a presença do “fator Gilmar”.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

A vida nem sempre foi justa com Martha Rocha

  • Eleita a segunda mulher mais bonita do mundo em 1954, antes de completar seu 4º ano de casamento, ela perdeu o marido num acidente aéreo.
  • “Abra a porta, senão vamos arrombar!”. Uma diligência com 20 anos de atraso no apartamento do produtor Daniel Filho, ex-global.
  • Uma raridade: sentença rápida, 60 dias depois do ajuizamento, numa ação monitória em São Francisco de Paula (RS).
  • Entre políticos e empresário, uma reunião para decidir a “sucessão” da propina.

Foto: Visual Hunt

Dilma busca pensão de R$ 10,7 mil mensais: “perseguição durante a ditadura”

 

Dilma busca pensão de R$ 10,7 mil mensais: “perseguição durante a ditadura”

  • A ex-presidente da República recebe atualmente R$ 12.600 mensais da Fundação Perseu Abramo.
  • Pouco dinheiro e muito dinheiro: enquanto a cantora Angela Rorô pede que cada um de seus amigos doe R$ 10 a ela, a CBF perde ação de US$ 3 milhões para a multinacional Procter & Gamble.
  • Uma demanda entre duas empresas pelo uso do sobrenome Dalcin.
  • Chineses retornando para os estudos nos EUA: eles são 369 mil.
  • A garantia fiduciária prestada por devedor convivente, sem a outorga uxória da companheira é parcialmente nula.
  • 52% dos hotéis brasileiros ainda estão fechados.

Tv Justiça - reprodução

A primeira atividade de Marco Aurélio, após a aposentadoria compulsória

 

A primeira atividade de Marco Aurélio, após a aposentadoria compulsória

  Num despacho em que indefere requerimento do CF-OAB, o ministro anuncia o que primeiro vai fazer, ao se aposentar em julho de 2021. Lançará o livro “Os votos que não proferi”.

  O importante julgamento no STF da ADI que questiona o pagamento, a advogados públicos, de honorários de sucumbência nos processos em que forem parte a União, autarquias e fundações federais.

  Os números oficiais dos EUA sobre assassinatos por milhões de habitantes.

  Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino entra no STF contra a redução do valor da mensalidades escolares.

  Brasileirão 2020: CBF quer que os clubes aceitem diminuir (de 72 para 48h.) o intervalo entre partidas.

  Os políticos estão viajando menos.

  O futuro de Mandetta: consultoria de biossegurança.

  Dorflex pode! Doralflex, Neodoralflex e Neodorflex, não!

Foto: Associated Press (1969)

Afinal, quem disse em 1962 que “o Brasil não é um país sério” ?

 

Afinal, quem disse em 1962 que “o Brasil não é um país sério” ?

•  A frase foi erradamente atribuída a Charles de Gaulle. O ex-editor do Jornal Nacional, Luiz Edgar de Andrade, falecido na semana passada, foi personagem involuntário de uma das primeiras fake news internacionais.

•  O termômetro judicial da Covid-19: são 10 mil novas ações trabalhistas.

•  Decisão judicial concede 45 dias de licença remunerada para auxiliar de enfermagem.

•  As liminares que estão criando novas modas.

•  Projeto de lei quer disciplinar abertura de novas contas nas redes sociais.

Geraldo Bubniak / Fotoarena

Brasil é o país em que mais se mata tendo o futebol como motivação

 

Brasil é o país em que mais se mata tendo o futebol como motivação

  A primeira contagem - faltando dados de alguns países menos ligados - já passa de 1.500 vítimas.

  Tribunais estimam cerca de 2.200 recuperações judiciais até final de 2020.

  TJRS elege Armínio Abreu Lima da Rosa como novo integrante do TRE-RS.

  A mudança do regime conjugal de bens do casal Odebrecht.

  STF decide que procuradores da Fazenda Nacional não têm direito a férias de 60 dias. E os outros?

  Importação de sementes de cânhamos fica suspensa. Seria psicotrpopico?