Ir para o conteúdo principal

Edição de terça-feira ,12 de novembro de 2019.
https://www.espacovital.com.br/images/smj.jpg

A terra treme em um dos maiores escritórios de advocacia do Brasil



MTV Movie Awards – Divulgação-1993

Imagem da Matéria

O triângulo formado por Robert Redford, Demi Moore e Woody Harrelson no polêmico 'Proposta Indecente'

  “Proposta Indecente” no cinema

Os de meia idade e os de terceira (e melhor idade?) devem lembrar de um filme que, em 1993, fez estrondoso sucesso mundial. Um casal enfrentando dificuldades financeiras resolve tentar a sorte em Las Vegas, mas nada consegue.

No entanto, marido e mulher conhecem John Gage, um bilionário (vivido pelo artista Robert Redford) que oferece um milhão de dólares ao marido, David (Woody Harrelson), para permitir que a sua mulher, Diana (Demi Moore), vá para a cama com ele por apenas uma noite.

De imediato há um choque por parte do casal, mas tal proposta significaria o fim dos seus problemas financeiros. Afinal concordaram que Diana iria para a cama com David – afinal “seria só por uma noite”.

O desfecho? Marido e mulher não contavam com o “efeito orloff”. A tal oferta – efetivamente consumada – trouxe muitas consequências. Para mais detalhes, pesquisem na internet, ou busquem o filme na Netflix.

 Proposta indecente na banca

Esta repercutirá nacionalmente no qualitativo e quantitativo campo dos operadores jurídicos brasileiros – estagiários/as incluídos.

O jornal O Globo, do Rio, publica hoje (1º) chamativa nota, na coluna de Ancelmo Gois, que por si só se explica. É assim:

“A terra treme em um dos maiores escritórios de advocacia do Brasil. Usando as redes sociais, um executivo diz que sua ex-esposa transou com um dirigente do escritório para ser aceita como sócia. O rebu foi tão grande que a banca teve que soltar uma nota esclarecendo que o processo de eleição de sócios, conduzido por 11 membros do Conselho, “baseia-se em avaliações sucessivas periódicas, que considera o desempenho profissional, as qualificações acadêmicas e a experiência dos candidatos.”

Por razões óbvias, claro, não houve no jornal O Globo, nem haverá aqui no Espaço Vital, menção alguma aos nomes dos três vértices pessoais do triângulo, nem referência à medalhística denominação da banca.

  Em tempo

Por favor, não enviem e-mails para a redação do EV, nem liguem para pedir “reservadamente”, um, dois, três ou os quatro nomes.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Relacionamento amoroso não dá direito a carteira assinada

Justiça do Trabalho analisou a contratação, pelo dono de um bar, de mulher para “serviços gerais”.

 Silêncio da Corregedoria no caso do município que se encontra em “lugar incerto e não sabido”

• Preço do metro quadrado em apartamentos de alto padrão, em Porto Alegre, é o terceiro mais caro do Brasil.

 R$ 1 milhão por mês: o custo da embaixada do Brasil nos EUA.

 Claro condenada por ligações abusivas: 60 chamadas, em três dias, para o celular de idosa de 91 anos.

Arte de Camila Adamoli - Foto Jornal Visão Regional

Devedor do Banrisul por sete anos

 

Devedor do Banrisul por sete anos

 Em Ibirubá (RS), comarca de única vara, juiz declara-se suspeito de jurisdicionar ações a favor ou contra o Banrisul.

 Todos os processos em que o banco é parte serão redistribuídos aos magistrados substitutos de tabela, em comarcas vizinhas.

 Nomeação de neto de Tarso Genro para assessor de juiz não significa nepotismo.

Prefeitura de Xangri-lá (Divulgação)

Diário da Justiça diz que Xangri-lá está “em lugar incerto e não sabido”...

 

Diário da Justiça diz que Xangri-lá está “em lugar incerto e não sabido”...

 O atraente município gaúcho praiano está sendo citado por edital para pagar uma dívida de R$ 3.782,45.

• Ação penal vagarosa: hoje (21.10.2019) completam-se 13 anos do homicídio do escrivão Paulo César Ruschel, em Novo Hamburgo.

 Rodrigo Janot arrepende-se de ter nominado que o “tiro na cara” seria para Gilmar Mendes.

 Nomeação do advogado Fernando Marcel Genro Robaina para cargo em comissão de assessor de juiz, em Porto Alegre.

Contra, ou a favor?

Relembre como cada um dos onze ministros do STF já se posicionaram sobre a prisão após a condenação em segunda instância.