Ir para o conteúdo principal

Edição de terça-feira ,03 de dezembro de 2019.
https://www.espacovital.com.br/images/smj.jpg

Relacionamento amoroso não dá direito a carteira assinada



 Deixa quietas...

Passou uma semana sem qualquer manifestação da Corregedoria-Geral do TJRS sobre a inédita publicação do Diário da Justiça On Line, para a citação editalícia do Município de Xangri-lá, por se encontrar “em lugar incerto e não sabido”.

O perolar documento oficial – que revela ausência de fiscalização no Fórum de Capão da Canoa - foi criado por uma servidora e chancelado por uma juíza.

Supervisão funcional? Ler antes de assinar? Ora, deixem pra lá... (Proc. nº 141/1.13.0004900-3).

 É caro

A embaixada brasileira em Washington (EUA) custa aproximadamente R$ 1 milhão por mês. Este ano, até 31 de agosto – com as oscilações do dólar – foram despendidos R$ 8,1 milhões.

Retroativamente, em sequência, tinham sido R$ 13,8 milhões (2018), R$ 11,5 milhões (2017) e R$ 11,9 milhões (2016).

 É caro também!

O preço médio do metro quadrado em apartamentos de alto padrão em Porto Alegre (preço acima de R$ 1,5 milhão), chega a R$ 12,9 mil e é o terceiro mais caro do Brasil. O levantamento foi feito pelo Zap Imóveis em dez capitais de estados brasileiros.

O mais caro, disparado, é o preço médio no Rio de Janeiro, com absurdos R$ 17,4 mil; em segundo, São Paulo, com R$ 14,7 mil.

Belo Horizonte e Salvador ficam em quarto e quinto, com R$ 12,3 mil e R$ 11,9 mil respectivamente.

• Serviços gerais”...

O juiz da 3ª Vara do Trabalho de Sete Lagoas (MG), Cléber José de Freitas, negou o pedido de reconhecimento de relação de emprego de uma moradora daquela cidade com o dono de um bar, com reintegração ao trabalho. É que, segundo entendimento do magistrado, ficou provado que a relação entre os dois tinha sido apenas amorosa, e não trabalhista.

A mulher alegou que foi admitida maio de 2017 para exercer a função de serviços gerais no bar do proprietário e na residência dele, mediante o pagamento de R$ 200 semanais. Foi dispensada sem justa causa, em agosto de 2018, quando estava grávida.

Alegou que não teve o contrato de trabalho anotado em sua CTPS, nem recebeu o pagamento de direitos trabalhistas, inclusive as verbas rescisórias a que tinha direito.

Em sua defesa, o proprietário do bar sustentou que inexistiu vínculo empregatício entre eles, mas sim um relacionamento amoroso.

A sentença teve palavrório: “Não emerge dos autos demonstração da existência, na relação travada entre as partes, dos supostos configuradores do contrato de emprego, improcedendo, por corolário lógico-jurídico, todos os pedidos postos na inicial”.

Houve recurso ao TRT-MG, que não foi conhecido: é que a advogada signatária não possuía procuração válida, capaz de autorizar a sua atuação no processo. (Proc. nº 0010892-16.2018.5.03.0167).

 Claramente abusiva

O credor tem direito de cobrar as dívidas, mas sem constranger o devedor e sem interferir em seu lazer. Por isso a Claro terá de indenizar com R$ 10 mil uma idosa de 91 anos que, em três dias, recebeu 60 ligações cobrando-lhe R$ 240, pelos serviços de tevê a cabo e internet em banda larga da Net.

Inteligente, a provecta consumidora amealhou um conjunto de “prints” da tela de seu celular, demonstrando a insistência abusiva.

Embora a existência da dívida não esteja em discussão, os julgadores concluíram que a Claro extrapolou em seu direito de cobrar - especialmente ante a relação consumerista que já durava dez anos e pela idade da devedora, que foi considerada "hipervulnerável". (Proc. nº 1011645-51.2019.8.26.0224).

 A política é dinâmica...

O presidente Jair Bolsonaro indicou o diplomata Marcelo Baumbach – ex-porta-voz de Lula - para o posto de embaixador no Haiti. O nome foi encaminhado para apreciação do Senado.

Baumbach foi próximo de Lula nos últimos três anos de seu segundo mandato como presidente (2007 a 2010).

E também atuou como secretário de Assuntos Estratégicos da Presidência no governo Temer.

A política é dinâmica, e os políticos se entendem...


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Charge de Jota A / Portal O Dia

Compensação financeira para Dilma pela prisão e tortura sofridas durante a ditadura

 

Compensação financeira para Dilma pela prisão e tortura sofridas durante a ditadura

 Ela busca perante a Comissão de Anistia uma reparação de R$ 11 mil mensais.

 O lodo no Judiciário baiano: afastamento do presidente do tribunal e prisões são apenas o começo do “pepino apimentado”.

 Os dois momentos diferentes de Adriana Ancelmo.

 Ação do Diadema contra o Grêmio tem julgamento antecipado para amanhã: “reserva mental”.

 Porque os mais bem pagos executivos brasileiros estão desistindo do Natal em New York

Ilustração Felipe Franco Rodrigues

Está chegando a hora de o Grêmio se despedir de Renato

 

Está chegando a hora de o Grêmio se despedir de Renato

 Só o “chapabranquismo” gremista sustenta o favorecimento a Galhardo, Tardelli, André e Luciano – todos contas do treinador gremista.

 Aumenta a expectativa de vida para as crianças brasileiras nascidas em 2017 e 2018.

 As seguradoras se unem para tentar derrubar a medida provisória que acaba com o DPVAT.

 Hoje (29) lançamento de livro em homenagem ao professor Alexandre Wunderlich.

 Como os desembargadores do Trabalho reagiriram se a União começasse a atrasar seus salários?

Blog E Viva a Farofa - Reprodução

O Brasil dos “juridiqueístas”

 

O Brasil dos “juridiqueístas”

 Os servidores do Poder Judiciário brasileiro, em todos os Estados e níveis, ganharam em média, no ano passado, um salário mensal de R$ 12.774,02.

 Contraste: a média recebida pelos trabalhadores do setor privado do país, mensalmente em 2018, foi de R$ 2.456,65.

 Nos últimos 18 trimestres seguidos, a renda só cresceu para os que estão no topo da pirâmide brasileira.

 O voto acrobático (em idioma javanês) de Dias Toffoli envergonhou alguns de seus colegas.

Arte EV sobre fotos de Lucas Pfeuffer

Dois anos antes da eleição de 2021, os primeiros movimentos para a sucessão na OAB-RS

 

Dois anos antes da eleição de 2021, os primeiros movimentos para a sucessão na OAB-RS

• A procuradora do Estado Fabiana Azevedo da Cunha Barth vai somando pontos para ser a candidata da situação.

• Mensalmente aumenta a predominância feminina na advocacia gaúcha; elas são 43.004; eles, 42.487.

• A oposição ainda não se articulou, mas o advogado criminalista Aury Lopes Júnior começa a ser lembrado.

 A ressaca das pilhas, depois dos 52 dias de greve no Judiciário estadual.

No Rio, dos 204 que foram presos pela Lava-Jato, 196 já estão soltos

 Vem aí a segunda edição de “A Verdade Vencerá”, o livro de Lula.

 A obra que exalta o ex-presidente não se reporta à frase épica de janeiro de 2016: “Não existe uma viva alma mais honesta do que eu”.

• Prefeito de Cuiabá (MT) só recebe visitas femininas se houver um assessor na sala.

 Em loja de grife, cliente vai ao provador e tem a camisa... furtada