Ir para o conteúdo principal

EV de férias! > Os 15 Romances Mais Lidos de 2019

A sátira embutida



Charge de Gerson Kauer

Imagem da Matéria

Após dez anos de profissão, aborrecido com a deficiente prestação jurisdicional, o advogado militante em comarca de entrância intermediária admitia que, na metade das vezes – ou mais até - seus argumentos não eram sequer examinados por estagiários, assessores e magistrados.

O profissional da advocacia então lascava consistentes petições de embargos de declaração que, habitualmente desacolhidos, às vezes resultavam em multas por litigância de má fé.

Numa ação de revisão contratual, a superficial sentença foi de improcedência. Na convicção de que a petição de apelação não seria sequer lida pelo ´staff´ de segundo grau, o advogado embutiu, na metade da lauda de nº 8, sem destaque algum, um recado sutil:

Espero que os julgadores da excelsa câmara entendam o que aqui faço e que não seja punido pela respeitosa crítica que faço. É que há tempos os advogados vêm sendo desrespeitados por magistrados, que sequer se dão ao trabalho de analisar os pleitos que apresentamos. Nossas petições muitas vezes não são sequer lidas. Assim, como somos tratados como ´pamonhas´, é pertinente informar que gostosa receita desta tão famosa iguaria oriunda do milho está facilmente disponível na internet”. (E indicou o link pertinente).

No parágrafo seguinte da petição recursal, o advogado lembrou que “segundo o Dicionário Aulete, pamonha é também pessoa sem iniciativa, sem firmeza, moleirão, bobo – condições pessoais das quais tenho aversão”.

O recurso de apelação foi improvido. Todos, no segundo grau, ignoraram a página 8 do recurso de 12 laudas, ou optaram por passar ao largo da provocação, não dedicando uma linha sequer ao enfrentamento da crítica embutida.

A ementa do acórdão foi objetiva: “Argumentos recursais que não infirmam os ajustes contratuais, do que resulta o improvimento do recurso, pelos próprios judiciosos fundamentos proferidos pelo eminente juiz de primeiro grau”.

Já transitou em julgado.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Charge de Gerson Kauer

O aumento da poupança

 

O aumento da poupança

No Foro Central da capital tramita ação para o reconhecimento de união estável contra famoso operador do Direito. É requerido o depoimento pessoal do réu. O advogado da autora pergunta: “O senhor fazia sexo com ela?”. Há controvérsias. O texto é de Carlos Alberto Bencke. 

Charge de Gerson Kauer

   O juiz, o advogado e o Judiciário perderam!

 

O juiz, o advogado e o Judiciário perderam!

Com um intervalo de 12 anos entre elas, duas ações por dano moral ajuizadas por magistrados contra advogados. A  recente teve uma indenização deferida de R$ 2.500. A mais antiga está desde 2013 aguardando o julgamento do recurso especial no STJ: envolve R$ 1 milhão.

Charge de Gerson Kauer

Generosidade de mãe

 

Generosidade de mãe

O advogado gaúcho jubilado, já setentão, e sua esposa, pouco mais de 60 de idade, viajam ao Rio de Janeiro para visitar o filho (que se prepara a concurso para ingresso no MP), a nora e o neto. E na confusa capital carioca passam três noites no apertado apartamento.

Charge de Gerson Kauer

O amor é cego?

 

O amor é cego?

A primeira audiência você nunca esquece! A surpresa do novel juiz, na tarde inaugural de suas audiências na comarca. Por que, afinal, o homem de 45 de idade, trocou a esposa de 43 por uma idosa muito feia, 17 anos a mais de idade. A escrivã contou o importante detalhe que não estava nos autos.

Charge de Gerson Kauer

O inédito e imparcial sorteio

 

O inédito e imparcial sorteio

Como houve um impasse – aparentemente insolúvel - entre os irmãos Mário e Maria, o juiz decidiu que a solução seria um sorteio. Os interessados concordaram. A escrivã trouxe uma caixa e colocou os papeluchos. Coube ao estagiário, de olhos fechados, meter a mão e...