Ir para o conteúdo principal

Edição de terça-feira , 20 de agosto de 2019.
https://www.espacovital.com.br/images/smj.jpg

As lentas contas supremas



Montagem EV

Imagem da Matéria

O primeiro semestre de 2019 está terminando, o recesso dos tribunais superiores vem aí - e ainda não se sabe qual é o número total de processos não julgados que, em 31 de dezembro de 2018, formavam o passivo da Corte Suprema. A última tabulação oficial disponível é de agosto de 2018 e abarca estatísticas só até o último dia de 2017. (Leia-se, aí, recursos extraordinários, habeas corpus, ações originárias – enfim as 43 classes de processos que constituem a competência da corte).

Vozes independentes da “rádio-corredor” do Conselho Federal da OAB – não afinadas com o atual presidente Felipe de Santa Cruz Oliveira Scaletsky (este o nome completo dele) - especulam serem “aproximadamente 37 mil os processos sem movimentação no STF desde maio de 2017” - isto é, parados há um ano e dois meses.

Tais vozes também reconhecem “não haver nenhum dado concreto, confiável, sobre processos parados há dois, três, cinco anos”.

Na volta do recesso, em agosto, o Supremo poderia ser mais explícito com as contas de seus processos em estoque. Desejável que informe qual é o passivo – especialmente habeas corpus - pendentes com cada ministro, ano a ano. E confirmar, ou não, que só o cidadão e ex-presidente Lula é requerente em 162 recursos diversos, sucessivamente interpostos na Corte desde janeiro de 2018 e que tiveram curso preferencial.

Se essa especulação for verdadeira, é de se perguntar – em nome da isonomia - por que, a cada nova ciranda recursal de Lula, o Supremo desacelera todo o “resto” e dá preferência ao vigor litigante da defesa que transformou os casos judiciais do ex-presidente numa novela judicial, bem patrocinada, que nunca acaba.

Plim-plim! Novos capítulos a partir de 1º de agosto.

 Definição constitucional

A propósito, oportuno relembrar e difundir o que é isonomia. E o princípio, assegurado pela Constituição, segundo o qual “todos são iguais perante a lei, não podendo haver nenhuma distinção em relação a pessoas que estejam na mesma situação”.

No palavrório, muito bonito. E na prática?...

 Sem 13º proporcional

Havendo demissão por justa causa, o empregador não precisa pagar o 13º salário proporcional. A decisão é da 4ª Turma do TST, excluindo da condenação imposta ao frigorífico JBS Aves Ltda., com sede em Montenegro (RS), tal pagamento a um auxiliar de serviços gerais. Admitido em setembro de 2012 ele foi dispensado em outubro de 2015 por desídia em razão de seguidas faltas ao trabalho sem justificativa.

A justa causa foi mantida na Vara do Trabalho de Montenegro e pelo TRT da 4ª Região (RS), determinando porém a obrigação da proporcionalidade da gratificação natalina.

O tribunal superior o artigo 3º da Lei nº 4.090/1962, que criou o 13º salário. A norma estabelece que a parcela é devida quando a rescisão se dá sem justa causa. (RR nº 21085-77.2015.5.04.0261).

 Reprodução assistida

A 3ª Turma do STJ manteve decisão do TJ de Santa Catarina que permitiu o registro de dupla paternidade sem a inclusão do nome da mãe biológica. Segundo o julgado, o caso trata de “reprodução assistida, sem vínculo de parentesco entre a mãe biológica e a filha”.

No recurso especial, o Ministério Público de Santa Catarina buscava anular o registro civil de uma criança, porque “tendo havido a renúncia do poder familiar pela mãe biológica, o caso seria de adoção unilateral, e não de dupla paternidade”.

Conforme o processo, um par homoafetivo teve uma filha com a ajuda da irmã de um dos companheiros, submetendo-se ela a um processo de reprodução assistida.

Após a renúncia do poder familiar por parte da genitora biológica, os companheiros solicitaram o registro em nome do pai biológico (doador do material genético) e do pai sócioafetivo, mantendo em branco o campo relativo ao nome da mãe. (Proc. em segredo de justiça).


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Arte de Camila Adamoli sobre foto Visual Hunt (imagem meramente ilustrativa)

Os riscos do uso de ácido tioglicolato de amônia em salões de beleza

 

Os riscos do uso de ácido tioglicolato de amônia em salões de beleza

· Consumidor será reembolsado do que pagou pelo tratamento capilar. E receberá indenização por sofrer “vexame social, humilhação e vergonha”.
· Uma briga judicial entre irmãs por causa de um “selfie” no Facebook.
· Cantora Annita faz furor em programa de tevê ao descrever a “massagem para testículos”.

Google Imagens

Vínculo empregatício de sete anos entre vocalista e banda gaúcha

 

Vínculo empregatício de sete anos entre vocalista e banda gaúcha

 Decisão do TRT-4 reconhece os direitos trabalhistas do cantor, mesmo que ele tenha tido simultâneo emprego fixo numa academia de ginástica.

 Redes sociais anunciam que o centroavante André, do Grêmio, irá para o Juventus da Itália. Já vai tarde...

 Os duro$ tempo$ atuai$ das empreiteiras$...

 Gravação ilegal não serve como prova em ação trabalhista.

Kauer

Pérola processual e pérolas de corredor

 

Pérola processual e pérolas de corredor

· Advogado que, em causa própria, ganhou ação contra a Qantas Airways, terá que outorgar procuração a ele próprio...
· “Rádio-corredor” da Ordem gaúcha comenta o “ato institucional forense”...
· Agora, sério! Aprimoramento da legislação antitabagista traz quatro novas medidas apreciáveis.

Google Imagens

Quem estiver disposto a viver sem celular e sem internet móvel, levante o dedo!

 

Quem estiver disposto a viver sem celular e sem internet móvel, levante o dedo!

· Pessoas alérgicas a radiações, ou que desejam viver desconectadas, estão se mudando para a calma Green Bank (foto), em Virgínia Ocidental (EUA).

· A crise dos doutores brasileiros: mais 13% de desempregados, no primeiro trimestre de 2019, entre os que possuem diploma de curso superior.

· São 409 advogados a serviço do BNDES. Alguém mais se habilita?

· Sérgio Cabral e Eduardo Cunha agora são bons vizinhos no presídio de Bangu, no Rio.

· Revelar publicamente desperdícios de água é um ilícito civil?

Meme Charge Capital

Sentença na ação penal sobre o apartamento em São Bernardo do Campo pode sair em julho

 

Sentença na ação penal sobre o apartamento em São Bernardo do Campo pode sair em julho

• Os números da Lava-Jato comparados com a Operação Mãos Limpas, na Itália, em 1992.

• A defesa de Lula tem sido tenaz na repetição da alegação de não haver uma única assinatura dele imbricando-o na papelada do tríplex de Guarujá. É um fato.

 Mas o ex-ministro da Justiça José Paulo Cavalcanti Filho questiona: “A ausência de um documento assinado por Hitler seria suficiente para negar ter sido ele responsável pelo Holocausto”.

 Exame do Enem com provas digitais, experimentalmente, a partir de 2020.

 De Sérgio Moro para Gleisi Hoffmann: “Não sou eu o investigado por corrupção”.