Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira , 11 de outubro de 2019.
https://www.espacovital.com.br/images/smj.jpg

O desafio de manter a privacidade na era digital



Meme das redes sociais sobre charge de Quinho

Imagem da Matéria

  Dormindo com o inimigo

Manter a privacidade na era digital é um desafio. Corporações como Google e Facebook coletam toneladas de dados pessoais para vender anúncios, enquanto armas cibernéticas circulam na rede, ao alcance de hackers criminosos. Mas o espião também pode estar dormindo em casa, ao lado de suas vítimas.

É o efeito perverso da multiplicação no mercado digital de empresas que oferecem aplicativos capazes de monitorar smartphones, sem serem detectados por antivírus. É a proliferação de ´spousewears´ ou ´stalkerwares´.

Criados principalmente para o controle de pais sobre os celulares de crianças, ou de patrões sobre funcionários com aparelhos empresariais, tais softwares começam a atrair outra clientela: pessoas em relacionamentos abusivos interessadas em espionar os parceiros.

“Casais em que um monitora o outro não têm chances de dar certo, pois não há mais respeito, confiança e privacidade” – a avaliação, teórica, sem nenhuma vinculação com qualquer caso prático, feita para o Espaço Vital, é de um desembargador de uma das câmaras do TJRS que julgam questões de família.

“Do jeito como estão indo as coisas, breve vão surgir ações judiciais com esse foco. O tema será ´Dormindo com o Parceiro que Passou a Ser Inimigo´” – palpita o magistrado.

  “Metaforense”

A partir desta sexta-feira (14), o Espaço Vital passa a contar, regularmente – a cada 15 dias – com os contos de autoria do advogado gaúcho Rafael Berthold, que algumas vezes já pontificou aqui com apreciados Romances Forenses.

Há duas semanas fez sucesso o seu texto intitulado “Depois da justiça ´self-service´, os advogados trabalhando em aplicativos com Uber, Cabify, 99 etc.”

O novo espaço se chamará “Metaforense”. Trata-se de um trocadilho com metáforas forenses, já fazendo um gancho com o prefixo meta, que significa “reflexão sobre si”.

“É o que eu realmente busco com essas estórias. Imagino que nós, operadores do Direito, façamos uma reflexão sobre nós mesmos, nossas atitudes, etc." – diz Berthold.

Saboreie o texto de hoje que comenta o Dia dos Namorados, comemorado na quarta-feira. Ele trata do(s) encontro(s) de um experiente advogado com uma interessante – mas pouco erudita – estudante de Direito.

Para acessar Manda Judis, clique aqui.

  Os perturbadores

O Procon divulgou o ranking das dez empresas que mais desrespeitam o consumidor que não quer receber ligações de telemarketing. Segundo o órgão, doravante a lista será publicada mensalmente.

A lista é composta basicamente por operadoras de telecomunicações. Os três primeiros lugares são Vivo, Net e Tim. Em quarto vem um tal de "Doutor de Todos", seguido por Claro, Sky, Oi, Itaú, BMG e Santander.

 Das redes sociais

Gleisi Hoffmann recebida com honras e fotos no Conselho Federal da OAB. É o PT se preparando para a tomada da Ordem”.

“Quem tem boca vai a Roma. Quem tem perereca vai a Paris!”

“Valor de mercado de Neymar cai R$ 277 milhões – diz estudo. Isso é bom para os franceses saberem como é bom comprar um Peugeot no Brasil”.

“Não é verdade que o Palácio do Planalto esteja preparando uma Medida Provisória pela descriminalização do pneu careca!”


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Arte EV sobre fotos Camera Press

Uber condenada a ressarcir bens esquecidos num veículo

 

Uber condenada a ressarcir bens esquecidos num veículo

• O motorista confirmou ter encontrado dois celulares e objetos de maquiagem, mas a devolução não ocorreu.

 Nova condenação de Sérgio Cabral eleva as penas a 266 anos.

 Advogado de Lula defenderá senegalês acusado de corrupção nas Olimpíadas de 2014.

• Sargento da FAB preso com cocaína isenta os demais tripulantes.

Pintura de Nick Mancini

Ironia das redes sociais: anulação do julgamento de Tiradentes, porque o delator falou por último

 

Ironia das redes sociais: anulação do julgamento de Tiradentes, porque o delator falou por último

 Ao ser enforcado em 1972, o herói brasileiro não tinha desfrutado do pleno direito de defesa...

 Como a morte é irreversível, a reparação moral seria uma Medalha Suprema, a ser entregue aos herdeiros vivos.

 Gretchen vai ajudar estudantes nos preparativos para o ENEM.

 Doleira Nelma Kodama já está sem tornozeleira.

 Lembrete: a história dos 200 mil euros levados na calcinha.

  Wesley e Joesley Batista também livres das tornozeleiras.

Imagem de Simon Matzinger - Montagem/edição: Gerson Kauer

As relações humanas se renovam e nos surpreendem a todo momento

 

As relações humanas se renovam e nos surpreendem a todo momento

 Direito, ou não, à pensão previdenciária quando as três pessoas estão envolvidas num casamento e numa relação homoafetiva paralela.

 O STF está decidindo (5x3 até agora) a partir de dois âmbitos jurídicos: o Código Civil e a lei previdenciária.

 O presidente Dias Toffoli pediu vista. Dois ministros ficaram ausentes.

 Como se chama um caso assim? É triângulo biafetivo, ou triângulo homo e heteroafetivo?

Reprodução das redes sociais

A incorporação de um mascote na rotina cartorária

 

A incorporação de um mascote na rotina cartorária

 As repercussões de uma ação lentíssima que começou em 2006 e ainda está longe do fim.

 Digressões sobre o primeiro bichinho de pelúcia de que se tem notícia: foi uma homenagem ao 26º presidente dos EUA, Theodore Roosevelt.

• Tartaruga sinaliza processos que, em pilhas, aguardam juntadas na 1ª Vara Cível de Bento Gonçalves.