Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre, sexta-feira, 16 de abril de 2021.
(Próxima edição: terça-feira, 20).
https://www.espacovital.com.br/images/mab_123_17.jpg

A máquina de poder que destroça o Brasil



 

 Destroçando o Brasil

Das 714 mil pessoas e empresas ligadas a crimes financeiros e delitos antecedentes à lavagem de dinheiro no Brasil, 281 mil ocuparam cargos políticos (eleitos ou nomeados) ou são sócios e parentes delas. Ou seja: 39% dos suspeitos de tais crimes possuem ligações políticas.

A tabulação está na conclusão de levantamento da AML Consulting, que presta serviços de prevenção à lavagem de dinheiro, com base nos dados da plataforma Risk Money.

A empresa identificou mais de 11 mil pessoas ligadas a crimes da Lava Jato; delas, 547 delas são políticos(as) suspeitos(as) de corrupção, ou já claramente acusados. E 10% das 281 mil pessoas relacionadas a políticos estão ligadas a crimes econômicos, como corrupção e peculato.

A lista dos agentes públicos mais vinculados a esses delitos é encabeçada por prefeitos, seguidos de vereadores, deputados federais, deputados estaduais e vice-prefeitos.

Em outubro de 2016, foram eleitos 11.171 prefeitos e vice-prefeitos. Deste grupo, 1.833 estão envolvidos em crimes de diferentes naturezas, o que corresponde a 16,5% do total. E dos 57.949 vereadores eleitos na mesma ocasião, 2.110 também estão envolvidos em diferentes crimes, sendo 7,7% ilícitos de corrupção.

  Números que impressionam

A propósito: a AML Consulting identificou mais de 11 mil pessoas e empresas ligadas aos crimes investigados na Lava Jato. Para o administrador Alexandre Botelho, fundador da consultoria, “a conjunção mostra que esses crimes ocorrem devido também à contribuição e participação significativa do setor privado”.

Entre os envolvidos na operação, 2.264 estão relacionados a crimes econômicos, sendo 547 deles políticos.

O cargo público que tem mais acusados na Lava-Jato é o de deputado federal. O Distrito Federal é o ente com mais suspeitos: 223 (24,3% do total). Em seguida, São Paulo, com 75 (8,1%); Rio Grande do Sul, com 74 (8%); Rio de Janeiro, com 65 (7%); e Bahia, com 57 (6,2%).

 “Rádios-corredores”

• Pelo andar da carruagem, o Aécio vai ser preso antes do Lula. Ninguém respeita fila no Brasil”

(Na sexta passada, no intervalo da reunião do Conselho Seccional da OAB-RS).

• Hoje quando olho para o meu título de eleitor, começo a entender o verdadeiro significado da palavra ZONA eleitoral”.

(Ontem, meio-dia, no andar presidencial do TJRS).

• “Michel Temer ficou convencido de que as coisas começaram a dar errado depois que Mick Jagger chegou ao Brasil”...

(Ontem, duas da tarde, no Conselho Federal da OAB).

 Sexo por engano

A Abril Comunicações e uma produtora de vídeo pagarão indenização de R$ 5 mil, a uma mãe que adquiriu uma fita erótica pensando ser um vídeo infantil. A gravação vinha junta com uma revista vendida em banca de jornal.

A decisão é da 27ª Câmara Cível do TJ do Rio. A consumidora queria presentear os filhos com a animação “Procurando Nemo”, mas, ao chegar em casa e iniciar a exibição do vídeo para os familiares, incluindo crianças, foi surpreendida com imagens do filme “Sexo Selvagem”. (Proc. nº 0004783-36.2005.8.19.0008).


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

STF nega o último recurso de Lírio Parisotto

 

STF nega o último recurso de Lírio Parisotto

  • Confirmada a condenação do empresário gaúcho na ação penal por agressão, em 2016, contra sua então companheira Luiza Brunet - quando gozavam férias em New York.
  • Rápidas pinceladas sobre as carreiras do ex-lojista de Caxias do Sul e da modelo famosa que, na juventude, trabalhou como babá e, depois, como empacotadora de supermercado.
  • Uma previsão de Diego Maradona há 24 anos: “Tampouco morto encontrarei a paz. Utilizam-me enquanto vivo e encontrarão um modo de fazê-lo quando eu estiver morto”.
  • Com a dissolução da Seguradora Líder, o que acontecerá com o Seguro DPVAT?

Arte EV sobre foto SCO/STF

Desde 2004 a discussão no STF da lei que criou os “PMs temporários”

 

Desde 2004 a discussão no STF da lei que criou os “PMs temporários”

  • A brutalidade no Carrefour terminou desnudando - sem nada a ver com o crime, ressalta-se - uma faceta legal-jurídico-jeitosa para preencher 2.000 vagas na Brigada Militar.
  • A declaração pelo STF da completa inconstitucionalidade da Lei estadual (RS) nº 11.991/2003.
  • Uma ação do MP estadual, outra do MPF, para cobrar do Carrefour os danos coletivos causados à população.
  • Um litígio judicial entre donos da Folha de S. Paulo.

Imagens: Freepik - Arte EV

O que o papel higiênico tem a ver com o cafezinho

 

O que o papel higiênico tem a ver com o cafezinho

  • Honorários sucumbenciais de 1% foram destinados, por advogado, à compra do “necessário material” para uso dos frequentadores do Foro de Cruz Alta.
  • Fiadores com a moradia a salvo, quando a fiança for prestada em locação comercial.
  • Élida Costa, se viva, ontem (19) teria completado 100 anos. Mulher de coragem!
  • Município de Pernambuco elege prefeito, vice e os nove vereadores de um único partido.
  • As contas não...contadas e nem cobradas judicialmente da CEEE.
  • Aumento da indenização por morte de advogado vitimado pela asbestose.

Arte EV sobre foto TRT-4 (Divulgação)

Desembargador pede desculpas a trabalhadora!

 

Desembargador pede desculpas a trabalhadora!

  • Acórdão do TRT-4 aborda prestação jurisdicional equivocada, em ação de uma empacotadora contra a rede de supermercados Zaffari.
  • Os cachorros latem quando o gato mia...
  • Deputado quer criar um feriadão nacional em julho de 2021
  • Sérgio Moro começa bem como parecerista: R$ 750 mil.
  • O que a cueca amarela tem a ver com a ação da tartaruga?

Imagem: Freepik - Arte EV

Gafes e desatenções durante sessões virtuais de julgamento

 

Gafes e desatenções durante sessões virtuais de julgamento

  • Esta semana, a “bola antilitúrgica da vez” foi o TRT da 4ª Região. Um advogado semivestido no panorama virtual. E um magistrado afagando uma cachorrinha poodle. Se visse, Marco Aurélio teria chiliques...
  • Sérgio Moro e Luciano Huck sonhando maneiras de como conquistar o mundo...
  • Da série “Ainda não vimos tudo”: colégio carioca chamando seus discípulos de “querides alunes”...
  • Hacker: um componente do submundo do crime altamente lucrativo.
  • O duro impasse entre Latam e aeronautas: risco de mais 1.200 demissões.

Chargista Ricardo Manhães - ND Mais.com.br

Os riscos de estacionar perto de restaurantes!

 

Os riscos de estacionar perto de restaurantes!

  • Um raro caso envolvendo o roubo do carro de um cliente da Churrascaria Barranco, em Porto Alegre. Como fazia regularmente, ele entregou a chave do automóvel ao recepcionista, para que estacionasse numa rua contígua. Houve então o assalto à mão armada.
  • Lula (2009) e Bolsonaro (2020): o reconhecimento à honestidade do senador Fernando Collor. É a velha política.
  • Mudança de jurisprudência no TST: a responsabilidade do empregador pela morte de seu motorista decorre da exposição do empregado a atividade de alto risco.
  • De Brasília a Macapá (AP): os passeios do senador Davi Alcolumbre.