Ir para o conteúdo principal

Edição de quinta-feira ,14 de novembro de 2019.

TRE gaúcho poderá ter a primeira mulher presidente em 2013



ADBPC

Imagem da Matéria

Desembargadora Elaine Macedo

A desembargadora Elaine Harzheim Macedo foi eleita ontem (7) pelo Órgão Especial do TJRS para ocupar vaga de juiz(a) efetivo(a) do Tribunal Regional Eleitoral do RS na classe dos desembargadores. Ela obteve 18 dos 25 votos do colegiado.

Também disputaram a vaga os desembargadores Otávio Augusto de Freitas Barcellos, Ana Maria Nedel Scalzilli, Dálvio Leite dias Teixeira, Lúcia de Fátima Cerveira e João Barcelos de Souza Júnior.
 
Na prática significa dizer que na última semana de maio, ela será eleita corregedora da corte e, em 2013 deverá ser a primeira mulher a presidir a Justiça eleitoral gaúcha.
 
Antes dela, o próximo presidente será o desembargador Gaspar Marques Batista.
 
Lista tríplice para vaga de juiz substituto
 
O Órgão Especial do TJRS também elaborou ontem (7) a lista tríplice visando o preenchimento de vaga de juiz substituto na classe dos advogados do TRE. Os nomes que integram a lista são: Leonardo Tricot Saldanha (18 votos), Lúcia Helena Escobar de Brito (14) e Fábio Mariante Mincarone (13). O advogado Luiz Mário Seganfreddo Padão também constou nas indicações (4 votos). Os votos em branco somaram 23 e os nulos, três.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Cassado o mandato do deputado gaúcho Luis Augusto Lara

Ele perde também a presidência da Assembleia Legislativa do RS. A cassação do mandato foi decidida por 4 x 3 votos. Ele estava sendo processado por favorecimento de uso da máquina pública em Bagé, na eleição de 2018.

Sem Senado, só OAB!

O presidente nacional da OAB, Claudio Lamachia, põe fim à indecisão: desiste de concorrer a senador. “Não tenho como deixar a Ordem neste grave momento nacional” – diz.