Ir para o conteúdo principal

Edição de terça-feira ,19 de novembro de 2019.

A interpretação jurídica da placa "Pare"



Contador de causos

Charge de Gerson Kauer

Imagem da Matéria


Um advogado dirige distraído numa noite de sexta-feira quando passa sem parar, desobedecendo a sinalização. Próximo está uma viatura da polícia de choque. Os agentes se põem atrás e uma quadra depois param o profissional da Advocacia. O diálogo é em pingue-pongue:

- Boa noite! Documento do carro e habilitação!

- Mas por que, policial?

- Não parou no sinal de ´Pare´, ali atrás.

- Eu diminui e como não vinha ninguém...

- Exato... Documento do carro e habilitação.

O advogado matuta e tentar argumentar:

 - Você sabe qual é a diferença jurídica entre diminuir e parar?

- A diferença é que a lei diz que num sinal de ´Pare´, deve-se parar completamente. Documento e habilitação!

- Ou não, senhor policial. Eu sou advogado e sei de suas limitações na interpretação de texto de lei. Proponho-lhe o seguinte: se você conseguir me explicar a diferença legal entre diminuir e parar, eu lhe dou os documentos e você pode me multar. Senão, vou embora sem multa.

- Positivo, aceito. Pode fazer o favor de sair do veículo, senhor advogado?

O advogado desce e então os três integrantes da guarnição baixam o cacete. O advogado grita por socorro, e implora para pararem.

E o primeiro policial pergunta:

- Quer que a gente pare ou diminua?

- Pare, pare, pare!!!...

O agente dá a estocada verbal final:

- Positivo... Documento e habilitação!

A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

O juiz salvador

Uma piada da “rádio-corredor” da OAB nacional ironiza como, em algum lugar do universo, um magistrado teria salvo um notório político que estava se afogando numa praia deserta...

Charge de Gerson Kauer

Os direitos trabalhistas do anjo da guarda

 

Os direitos trabalhistas do anjo da guarda

O advogado tem, cedo na manhã de segunda-feira, uma consulta jurídica a atender. O cliente pretende o ingresso de uma ação trabalhista. O profissional da Advocacia escuta, anota e conclui que a solução está no atendimento por um psicólogo.

Charge de Gerson Kauer

Pesadelo jurisdicional

 

Pesadelo jurisdicional

Na madrugada, em meio a um sonho conturbado, a juíza é interpelada pela ´Jurisdição´ e admite: "a estagiariocracia é uma moderna técnica de gestão! Está dando tão certo que até estou conseguindo começar meus fins-de-semana nas quintas-feiras".