Ir para o conteúdo principal

Edição de terça-feira ,03 de dezembro de 2019.

Suspensa a vigência de lei municipal que obriga aluno a rezar o Pai-Nosso



O Tribunal de Justiça da Bahia suspendeu em caráter liminar uma lei municipal de Ilhéus (413 km de Salvador) que obriga as escolas municipais a rezar o Pai-Nosso antes das aulas. A prática ocorre desde fevereiro.

A decisão da Justiça deferiu pedido do Ministério Público, em ação contra a lei, sob o argumento de que ela é inconstitucional.

O desembargador baiano Clésio Rosa determinou a suspensão da lei. "A imposição diária de pronúncia de oração específica da religião cristã aparenta não apenas violação ao fixado na Carta Política Estadual, como à própria Constituição da Bahia" - afirmou o magistrado. Mais adiante, o desembargador lembra que aulas de religião podem ser opcionais.

A Prefeitura e a Câmara da cidade podem recorrer da decisão, que ainda terá o mérito julgado pelo tribunal.

A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Um decreto presidencial derruba 323!

As normas são do período de 1918 até fevereiro de 2019, ao longo de 101 anos de República e deixarão de existir no próximo dia 17 de agosto.

Nova norma altera dispositivos das Lei das Sociedades Anônimas

Lei federal nº 13.818, ontem publicada, dispõe sobre as publicações obrigatórias e amplia para R$ 10 milhões o valor admitido de patrimônio líquido para que a sociedade anônima de capital fechado faça jus ao regime simplificado de publicidade de atos societários.

Arte de Camila Adamoli sobre fotos Visual Hunt e Camera Press

Programa Veículo Legal: ideia gaúcha para uma quitação às claras

 

Programa Veículo Legal: ideia gaúcha para uma quitação às claras

Começa a tramitação do projeto de autoria do deputado Sebastião Melo (MDB). O IPVA atrasado e as multas de trânsito poderão ser pagos, on line, via cartões de crédito e/ou débito, no momento da abordagem policial. Excluem-se os veículos envolvidos em ilícitos policiais e os com pendências judiciais. Leia a íntegra do projeto de lei.

Liminar suspende obrigatoriedade de bombeiros civis em shopping

A lei municipal - sancionada pelo prefeito Nelson Marchezan Júnior - estabelece como “obrigatória a contratação de equipes com profissionais habilitados para o combate a incêndio” em estabelecimentos com capacidade de lotação mínima de 400 pessoas, ou de mil pessoas, no caso de ´campi´ universitários.