Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre (RS), sexta-feira, 27 de novembro de 2020.
https://www.espacovital.com.br/images/metaforense_4.jpg

Juízo 100% digital: o fim da privacidade



Imagem: Freepik - Arte EV

Imagem da Matéria

Em um escritório de advocacia, começa a primeira conversa entre o advogado e seu novo cliente:                   

- Em primeiro lugar, muito obrigado pela confiança - diz o advogado. Por favor, me explique em detalhes o que aconteceu.         

          - É o seguinte, doutor...         

          De repente, o celular do causídico vibra e ele interrompe a conversa, desculpando-se:         

          - Recebi mensagem de áudio. Desculpe-me, mas preciso ouvir.         

          O ambiente é, então, inundado por uma campanha publicitária: “Empréstimo facilitado para advogados! Ligue agora mesmo!...”          

          O doutor fecha, rapidamente, a mensagem, e apressa-se em explicar:         

          - Peço desculpas por esta embaraçosa interrupção. É que com a criação do Juízo 100% Digital, fomos obrigados a colocar nas petições os números de telefone celular, tanto do advogado, quanto do cliente, sendo admitida a citação, a notificação e a intimação por este meio, conforme a Resolução nº 345, do CNJ.         

          O advogado complementa:         

          - Como as petições são públicas, perdemos completamente a privacidade, pois o número do nosso celular pode ser visto por qualquer pessoa. Ou seja, é um prato cheio para as empresas de publicidade e telemarketing. Assim, sempre que recebo mensagens de números desconhecidos, tenho que ouvi-las, pois pode ser alguma intimação ou ato processual urgente.         

          O celular do causídico vibra, de novo. Ao clicar para ouvir a mensagem, outra propaganda: “Não deixe o estresse da vida forense prejudicar sua performance! Não perca mais prazo! Clínica Alfa-Lawyer!         

          Como já havia justificado a questão das publicidades inconvenientes, o advogado limitou-se a encerrar a reprodução da mensagem e pede para que seu cliente exponha os detalhes de seu caso.         

          A conversa fluiu melhor, em que pese tenha sido interrompida algumas vezes com mensagens do tipo “Adquira uma sala na Ponta do Pontal; seu escritório com a melhor vista!” E até mesmo uma mensagem intrigante: “Se você está cansado de receber nossas mensagens publicitárias, a solução é muito simples: contrate-nos logo!”         

          Após ouvir toda a exposição dos fatos pelo seu cliente, o advogado começa a explicar-lhe a estratégia processual. Mas é necessária uma ponderação:         

          - Podemos utilizar o Juízo 100% Digital, que será mais célere, mas, daí, terei que colocar o número do seu telefone celular na petição e o senhor está vendo como é...         

          - Mas nem pensar! - atalha o cliente.         

          Ele ia seguir falando, quando outra mensagem interrompe a conversa: “Aumente seu pênis em tempo recorde com um método simples e indolor!”         

          - Santo Deus! Mil desculpas por isso! Eu não tinha ideia de que poderia ser uma mensagem tão constrangedora! – exclama o advogado que, apesar disso, prossegue. Enfim, o que o senhor dizia?         

          Pensativo, depois da última mensagem, o cliente reconsidera:         

          - Pensando bem, vamos de Juízo 100% Digital. Afinal, uma publicidadezinha nunca matou ninguém...


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

Imagem: Freepik - Arte EV

Mentoria de honorários

 

Mentoria de honorários

O surgimento de um coach, cuja proposta é inusitada: um método que fará os jovens advogado, ganharem mais do que que o limite máximo estabelecido na lei. Conheça a proposta do estrategista.

Imagem: Freepik - Arte EV

´Hackeando´ o tribunal...

 

´Hackeando´ o tribunal...

Uma conversa ao vivo, via celular, com o hacker que invadiu o saite do TJRS. Conclusão sobre o ataque: “Foi apenas o trabalho intenso, sem nenhum propósito, de alguém que não tinha nada melhor para fazer”...

Imagens: Freepik - Montagem: Gerson Kauer

O advogado irmão de Steve Jobs

 

O advogado irmão de Steve Jobs

A imaginária presença - na cantina de um fórum brasileiro - de Thomas Jobs, o criador do plano UNIADEVAS, do cartão de pontos LAWYER´S CLUB e dos aplicativos 99 CAUSAS GET LAWYERS. E as tentativas inexitosas de mudar as políticas da OAB, tornando-se presidente nacional da entidade...

Imagem: Freepik - Edição EV

Diário de um home-office

 

Diário de um home-office

O retorno do Judiciário aos trabalhos, o surgimento de uma decisão que precisa ser atacada por recurso. A esposa sai para o trabalho presencial. O pai às voltas com todas as rotinas da casa e com as lives escolares dos dois filhos. A elaboração do recurso vai ficando para depois. Fim de tarde, a esposa chega reclamando: “A casa virou uma bagunça”...

Imagem: Freepik - Edição EV

O fim do velho normal

 

O fim do velho normal

A notícia da reabertura do fórum foi música para os ouvidos do Dr. Platão Socrático. Para o primeiro dia, ele caprichou no visual; embonecou-se todo; perfumou-se, e lá se foi, ávido por encontrar as velhas amizades.