Ir para o conteúdo principal

Edição de TERÇA-feira, 13 de novembro de 2018.

Em crise, Livraria Saraiva fecha 20 lojas em diferentes cidades



Depois de a Livraria Cultura entrar com pedido de recuperação judicial, na quarta-feira da semana passada, agora foi a vez de a rede Saraiva tomar uma medida mais drástica: fechou ontem 20 lojas espalhadas pelo Brasil. A empresa não confirma a relação das livrarias fechadas, mas segundo fontes do mercado, estão entre elas as lojas de Londrina, Santos (avenida Ana Costa), Campinas (Galeria Shopping), Alphaville, Tamboré, Granja Viana, Mogi das Cruzes e dos shoppings Anália Franco, West Plaza e Plaza Sul, em São Paulo.

Em comunicado, a Saraiva expressou que vem tomado "medidas voltadas à evolução da operação e perenidade do negócio" e que “isso inclui o fechamento de 20 lojas e o fortalecimento do seu e-commerce, que hoje representa 38,4% do negócio”. A rede tem, no momento, 84 livrarias.

A Saraiva e a Cultura são protagonistas - e também responsáveis ao não pagarem fornecedores - por uma das piores crises do mercado editorial brasileiro. Segundo a Associação Brasileira de Livrarias, em 2012, havia 3.481 livrarias brasileiras. Em 2014, eram 3.095.

Atualmente, são 2,5 mil livrarias no país todo - o Brasil tem 5.570 cidades.


Comentários

Marcos Antonio Beraldo - Funcionario Público Do Estado 30.10.18 | 11:22:00
Sou morador em Curitiba, formado em Direito, pós graduada em Segurança Pública, além de outros cursos. Já comprei muitos livros durante minha formação, sei o quanto custa para um estudante ter que comprar todos os livros que são indicados pelos professores. A crise nas livrarias, sem dúvidas são os altos preços praticados, o que vem levando estudantes a fazer empréstimos, e nos dias de hoje tudo que o estudante precisa encontra na internet.
Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Equipe de transição de Bolsonaro tem um advogado gaúcho

É Adão Paiani, que tem escritório em Porto Alegre e Taguatinga (DF). O gabinete do futuro Presidente da República, que trabalhará em dez grupos temáticos, conta com sete militares, seis economistas e nenhuma mulher.

Abuso comercial no leasing

Nulidade da cláusula de contrato que autoriza a cobrança das parcelas a vencer, na hipótese de rescisão antecipada do contrato por perda do bem sem culpa do arrendatário