Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira, 19 de outubro de 2018.

Potins desta terça-feira



• Porto Alegre é demais...

Para a série “Livre Domínio dos Flanelinhas”, advogado com escritório na Rua General Vitorino registra que, há três meses, apareceu por ali – na quadra entre Marechal Floriano e Vigário José Inácio - um inovador operador de estacionamento público.

Ele enfia várias motos entre os carros estacionados, com o que ninguém sai sem, antes, submeter-se ao compulsório pagamento da tabela dele – que também socializa o ticket do estacionamento.

A EPTC não aparece por ali há várias semanas. E o Doutor Nelson, prefeito (PSDB) não está nem aí – ainda que fosse para determinar a um subordinado que fosse conferir.

• Faltam 31 semanas

Serão na última semana de novembro (entre os dias 26 e 30, a definir) as eleições da OAB-RS para a escolha da diretoria, conselho seccional e caixa de assistência, para o triênio 2019/2021.

O Gigantinho será o local único das seções eleitorais em Porto Alegre. A cessão feita pelo clube colorado é gratuita.

O atual presidente Ricardo Breier será, mesmo, candidato à reeleição. Tem muitos caminhos políticos já pavimentados e outros, poucos, ainda a pavimentar.

• Excelentes banhos

Sob a austera (...) gestão de Rodrigo Maia, a Câmara dos Deputados está abrindo licitação para trocar banheiras de hidromassagem dos apartamentos ocupados por alguns parlamentares.

A reforma, que inclui a substituição de aquecedores, chuveiros, duchas higiênicas e bancadas em granito, custará R$ 3 milhões.

• Benefícios e malefícios da maconha

Um desconhecido Mister Bud – que se intitula “ativista, empresário e maconheiro” - colocou no ar o www.maconha.com.br .

Ele anuncia como sua missão “transformar-se como referência onde as pessoas podem pesquisar fatos e dados referenciados e de qualidade para conhecer melhor a maconha, sua história, seus efeitos, indicações, benefícios e malefícios”.

Mister Bud não informa endereço físico, mas disponibiliza e-mail para quem quiser contatar sobre “as diversas visões sobre o tema sem preconceito ou ideologia política”.

• Quem quer?

Um Michel Temer bem-humorado – tal qual artista - abriu a porta do seu gabinete numa tarde dessas. Diante de uma antessala lotada de políticos e puxa-sacos, perguntou: “Alguém aí quer ser ministro?”.

Houve risadas e também quem depois cochichasse comparando o presidente com o canastrão Gardelon.

Mas ninguém se apresentou candidato.

• Ministro preferido

A propósito do desprestigiado presidente, sabe-se que elogios dele à sua equipe não devem ser levados a sério. Nas duas semanas que antecederam ao troca-troca ministerial, Temer repetiu uma frase pelo menos três vezes: "Este é o melhor ministro do meu governo".

Numa das ocasiões estava ao lado de Ricardo Barros (Saúde).

Na outra, de Mendonça Filho (Educação).

E num terceiro evento apontou para Fernando Coelho (Minas e Energia).

 Orelhões inúteis

Quase a metade dos 640 mil orelhões existentes no Brasil não foram utilizados um minuto sequer no ano passado.

A informação da Oi – que opera 76% do total - revela que 305 mil dos seus telefones públicos não registraram tráfego algum nos últimos 12 meses.

• Desembargadora ofensora

A desembargadora carioca Marília Castro Neves tem tudo, já em abril, para ser a magistrada mais questionada do ano (Gilmar, Lewandowski, Marco Aurélio e Tóffoli fora, porque estes são supremos).

Contra Marília – e seus desajuizados posts no Facebook - são cinco os procedimentos que estão no CNJ para analisar a conduta ofensiva desfechada à falecida vereadora Marielle Franco e a pessoas com síndrome de Down.

O mais avançado deles está na corregedoria do conselho, que já pediu informações à incontinente magistrada.

Segundo a “rádio-corredor” da OAB-RJ, Madame Tartaruga guarda prudente posição de expectativa, antes de decidir se entra em campo.


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Potins desta terça-feira

 Nova lei permite que advogados de sindicatos possam receber, cumulativamente, os honorários contratados com a entidade que representam e os honorários de sucumbência assistenciais.

 Magistrados não podem participar de câmaras privadas de conciliação.

 Um oficial de justiça à espera de Ciro Gomes.

Notícias curtas desta terça-feira

•  Judiciário brasileiro tem 80,1 milhões de processos em tramitação.

• Uma alfinetada de Roberto Barroso em Gilmar Mendes.

• José Dirceu, o czar do Brasil.

•  O Brasil que eu quero é... a Dinamarca!

•  A apreensão de vários milhares de telefones celulares da marca Alcatel.

Potins desta sexta-feira

•  “Autos processuais não localizados, apesar de muita procura”...

•  Liminar proíbe associação de direito médico de prestar atividades jurídicas.

•  Cliente de banco consegue anular cobrança de “tarifa de serviços administrativos”.

•  TST decide que é ilegal exigir depósito prévio para custeio de perícia.

•  Cancelada súmula do STJ sobre proibição de banco reter salário para adimplir mútuo comum.

•  Feriadão encaminhado no STJ para 14/18 de novembro.

Potins desta terça-feira

 Número de advogados brasileiros supera a marca de 1,1 milhão

 Ação trabalhista de doméstica contra o ex-patrão João Dória, ex-prefeito de São Paulo.

 Lula: presidenciável ou “presodenciável”?

• Eduardo Cunha quer pagar parte da multa de R$ 5,7 milhões com dinheiro que está sendo repatriado do exterior.

• Uma ação do Flamengo contra o colorado Paolo Guerrero.

 Amiga de Dilma será a advogada eleitoral de HenriqueMeirelles. É milagre político.

 “Mãe União” garante curso em Lisboa para dois advogados.

 Cármen Lúcia recusa sala vip nos aeroportos.

 O aperto de Preta Gil e o impasse na devolução de um apartamento que ela não consegue pagar.

Potins desta sexta-feira

· Ciro Gomes prega que juízes e promotores voltem às suas caixinhas. E quer a restauração da autoridade do poder político.

· A cara feia de Cármen Lúcia.

· E a cara sorridente de magistrados mineiros bafejados por altos salários.

· A engraçada comédia dos candidatos à Vice-Presidência da República.

· Uma benção na sede do TRF-2, para afastar assombrações noturnas.

· Indenizações do DPVAT vão ter indenizações aumentadas. Mas o custo do seguro também vai subir.

Potins desta sexta-feira

 Negado vínculo de emprego entre carregador de tacos de golfe e o Country Clube de Porto Alegre.

 Um homem e sua união estável com duas mulheres

TRF-4 mantém liminar que impede governo do RS de arquivar a extinção da Fundação Piratini.

 CF da OAB diz que o modelo da Agência Nacional de Saúde e outras reguladoras está falido.

 Auxílio-acidente depois do auxílio-doença.

 MPF vai pedir, em agosto que Adriana Ancelmo volte para a prisão.