Ir para o conteúdo principal

Sexta-feira, 31 de Julho de 2015

Cansada de buscar o "marido ideal", mulher estadunidense se casa com ela mesma


Mundo bizarro

Reprodução/InFargo

Imagem da Matéria

Aos 36 anos de idade,  Nadine Schweigert – uma estadunidense de Fargo, Estado de North Dakota - decidiu que não ia mais esperar pelo seu príncipe encantado. Mais que isso: ela tinha um ponto a provar ao mundo: que ela não precisava de nenhum homem para se sentir completa e plena em sua felicidade.

Há poucos dias ela se casou com ela mesma e, agora, é um casal de uma pessoa só. Em seu casamento, ela trajava um longo vestido de cetim azul e empunhava um chumaço de rosas brancas.

Diante de seus 45 convidados - que, neste caso, eram parentes e amigos da noiva e do noivo ao mesmo tempo -  ela trocou votos de fidelidade com ela mesma. "Eu, Nadine, prometo gozar do prazer de habitar minha própria vida e saborear um caso de amor comigo mesma" - disse na cerimônia, sem valor oficial, mas após a qual um suposto juiz de paz entregou a certidão de casamento. A solenidade foi realizada em um clube.

Depois disso, Nadine trocou anéis com ela mesma e, na hora do tradicional “pode beijar a noiva”, ela pediu aos seus convidados que jogassem beijos para todo mundo.

Nadine afirmou que, depois de três filhos e um divórcio, ela passou tempo demais esperando que alguém chegasse e a fizesse feliz. Um dia, porém, um amigo disse que ela não deveria precisar de ninguém para ser feliz e que ela deveria se casar consigo mesma.

No começo, foi estranho explicar aos outros o que queria fazer. Seu filho de 11 anos, todo revoltadinho, disse que não ia tomar parte naquilo, mas, depois, todo  mundo entendeu que aquilo era necessário para ela.

Logo após o casamento, Nadine recebeu seus convidados e partiu para a lua-de-mel em Nova Orleans. Destes momentos de intimidade não há detalhes - nem se sabe se ela chegou acompanhada, ou não...

Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas