Ir para o conteúdo principal

Sexta-feira , 12 de Fevereiro de 2016

Notícias curtas



Imagem da Matéria

Posse (1) - O juiz federal Jorge Antônio Maurique foi empossado na última sexta-feira (24) no cargo de desembargador do TRF da 4ª Região. Ele é gaúcho de São Luiz Gonzaga. Segundo Maurique, uma de suas "maiores tristezas é ver a morosidade processual". No entanto, lembrou, "esta também deve-se ao fato de que a população busca e acredita no Judiciário para resolver os litígios".
Posse (2) - A juíza Miriam Andréa da Graça Tondo Fernandes é a mais nova desembargadora do TJRS. A cerimônia de posse foi ontem (27). Ela graduou-se na Faculdade de Direito da UFRGS em dezembro de 1983 e ingressou na magistratura em 1986. Foi a primeira mulher a jurisdicionar, como juíza de Direito, a comarca de Alegrete e a ali presidir o Tribunal do Júri.
Quem sobe - O Pleno do TRF-4 escolheu o juiz federal Cândido Alfredo Silva Leal Junior para ocupar vaga de desembargador federal, pelo critério de antiguidade. A indicação será submetida, agora, à confirmação da presidente Dilma Rousseff.  O magistrado já vem atuando no tribunal como convocado e vai ocupar a vaga aberta com a aposentadoria da desembargadora Sílvia Maria Gonçalves Goraieb, ocorrida em dezembro de 2011.

Horas de percurso - A 2ª Turma do TST reconheceu a validade de um acordo coletivo que limita pagamento de horas de percurso. Os ministros reformaram decisão que considerava inválido acordo firmado pela Plantar - Planejamento, Técnica e Administração de Reflorestamentos. O acordo coletivo previa o pagamento mensal de 25 horas normais de percurso e o compromisso de a empresa fornecer transporte a todos os trabalhadores, mas a empresa foi condenada pela Justiça do Trabalho da 3ª Região (MG) a pagar o tempo real gasto por um ajudante florestal que pleiteou essa diferença em reclamação trabalhista. A decisão da 2ª Turma foi tomada por maioria, com voto vencido do ministro José Roberto Freire Pimenta, que não conhecia do recurso.

Em alta - O narrador Jader Rocha deixou a RBS e segue para o canal fechado SporTV, no Rio de Janeiro, onde deve suprir a saída dos profissionais João Guilherme e Lucas Pereira, que foram para o Fox Sports e para a Record, respectivamente. A última aparição de Jader na tela gaúcha foi no domingo (26), quando apresentou o programa Torcida TVCom. Sua estreia no SporTV será em março. O anúncio foi feito pelo próprio Jader, em seu perfil no Twitter. "Estarei no RJ, mas sem esquecer das raízes gaúchas".

Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Notícias curtas desta sexta-feira

* Que empresas teriam condições de comprar a desprestigiada Petrobras ? * O ministro que tratava com ´putas e viados´ * Dilma, a criadora da maior rede de franquias no país * Trabalho legislativo no Brasil: a lei que cria o “Dia do Tambor de Crioula” * Três engenheiros vencem causa milionária contra a Petrobras * Ministro conta que “puxa-se uma pena e aparece...uma galinha * O caso do embaixador que mandou o motorista passar para o banco de trás * Fábricas negociam nova redução do IPI para automóveis * STJ convoca juíza gaúcha para auxiliar do presidente Francisco Falcão.

Notícias curtas desta terça-feira

* Morosidade processual é tema de metade das demandas na Ouvidoria do CNJ * Baú do impeachment: em 1992, Gilmar Mendes ajudou na defesa de Fernando Collor * Prisão de noivo adia casamento em Brasília * Mais uma tartaruga em ação no STF * Assessor de Romário é indiciado por homicídio qualificado * A oligarquia assustada com as prisões *Já chega de Eduardo Cunha !” – diz editorial da Folha de S. Paulo * Um embate no STF entre Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski ? * Promotor é preso tentando embarcar com R$ 100 mil em Guarulhos

Notícias curtas desta sexta-feira

* Os números atualizados da advocacia: 941.022 profissionais no Brasil e 74.681 no RS * Nova administração do TJRS será eleita na segunda-feira *  CQC fora da programação da Band em 2016 * Onde prender transexuais? * Enquanto um professor do Ensino Médio em Luxemburgo ganha, em média, 110 mil dólares por ano, o piso nacional dos professores brasileiros é de R$ 1.917 * Paris e Melbourne as melhores cidades para estudar * Sancionada a Lei nº 13.202/2015 que permite ao contribuinte pagar, com desconto, dívidas fiscais em litígio, desde que desista do processo * Mantida nulidade de norma coletiva que previa pagamento de salário até dia 10 do mês seguinte

Notícias curtas desta terça-feira

* Três advogados gaúchos disputam vaga no TRE-RS * Cinco brasileiros milionários compraram automóveis Rolls Royce, pagando mais de R$ 2,5 milhões, cada um * Ex-banqueira Kátia Rabello pede ajuda a parentes e amigos para pagar multa e obter progressão de regime nas penas do mensalão * Igreja Católica passa a facilitar os processos de anulação de casamento * Alerta de jurista: “com Dilma não vamos chegar ao fundo do poço porque o poço dela não tem fundo* Estradas brasileiras: riscos cinco vezes maiores de assaltos do que nas rodovias mexicanas * Generosos benefícios tributários concedidos pelo Governo Federal * Recompensa em dinheiro para apanhar corruptos * Indícios de que Eduardo Cunha (PMDB-RJ) tenha atuado em nove medidas provisórias para favorecer negócios de bancos em liquidação extrajudicial.

Notícias curtas desta sexta-feira

*Pedras traiçoeiras” tiram William Bonner uma semana do Jornal Nacional * Advogado e banqueiro de cabeça raspada no presídio de Bangu 8 * Incrível: contrato de trabalho provisório que durou 40 anos * Lula processa historiador, por ter sido chamado de “chefe do petrolão* Mil pessoas foram mortas pela polícia do Rio, entre 2014 e 2015 * Uma letra a mais no sobrenome de um advogado anula a sua intimação (desatendida) para julgamento.

Notícias curtas desta terça-feira

* Futura presidente do STF assegura que “o crime não vencerá a justiça* STJ inclui seis novos temas no índice remissivo dos recursos repetitivos * O notório banqueiro André Esteves também é produtor de vinhos italianos e portugueses * Sertanejos Zezé Di Camargo e Luciano batem Gisele Bündchen em número de comerciais na tevê brasileira em 2015 * Propinas superiores no Tribunal de Contas da União * Nestor Cerveró para importantes cargos na Petrobrás: uma escolha pessoal de Dilma.